Brasão da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul
ALEMS no combate ao Coronavírus

Atuação da ALEMS é fundamental nas ações do programa Retomada Segura MS

Imagem: O presidente da ALEMS, deputado Paulo Corrêa, participou do lançamento do programa Retomada Segura MS
O presidente da ALEMS, deputado Paulo Corrêa, participou do lançamento do programa Retomada Segura MS
27/09/2021 - 11:41 Por: Christiane Mesquita   Foto: Cyro Clemente

Participando nesta manhã (27) do lançamento do programa Retomada Segura MS, o deputado e presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), Paulo Corrêa (PSDB), destacou a parceria das instituições públicas e privadas na imunização contra a Covid-19, que atingiu 74,74% em todo o Estado, em maiores de 18 e grupos prioritários. “Em nome da Assembleia Legislativa, eu tenho orgulho de termos uma Federação das Indústrias que olha para o povo, junto a Marcelo Vinhaes, da Energisa, e Marina Mandetta, antenados com o momento, e também agradecer a logística proporcionada pelo secretário de Estado de Saúde [SES], Geraldo Resende.


"É motivo de comemoração a imunidade atingida", destaca Corrêa

Desde o início da imunização, foram aplicadas 3.629.835 doses de vacina em Mato Grosso do Sul . “Neste último ano a prioridade do nosso Governo foi vacinar pessoas. Anuncio em primeira mão emissão de um projeto para emitir um diploma que chegue a todos esses heróis empenhados na vacinação, voluntários, sem eles nem o Executivo, nem Geraldo Resende dariam conta”, concluiu Paulo Corrêa.

O secretário de Estado de Infraestrutura (SEINFRA), Eduardo Riedel, falou sobre o resultado atingido. “Não houve politicagem durante a vacina, houve foco, desde o início todos os secretários trabalharam sintonizados com um único objetivo, estruturar a rede de saúde e evitar colapsos na economia, que manteve seu crescimento, tenho muito orgulho de Mato Grosso do Sul e reconheço o papel da iniciativa privada nesse projeto, a disposição da estrutura de todo o setor privado para contribuir e podermos avançar. Quando estamos de mãos dadas, não tem como não dar certo”, declarou.  

O secretário de Estado de Saúde (SES), Geraldo Resende, agradeceu a atuação da Assembleia Legislativa. “A ALEMS e todos os 24 deputados sempre deram uma resposta bastante efetiva para que pudéssemos anunciar esses números nesta manhã. Também agradeço aos prefeitos e secretários municipais de saúde fizeram com que nós pudéssemos ostentar esse número que nos orgulha. Aqui não houve politização da doença, todos os atores foram importantes. Precisamos avançar cada vez mais, só a vacina poderá nos ajudar. Estamos lançando o Retomada Segura MS com seis vertentes, e duas delas precisam essencialmente do apoio da Assembleia Legislativa”, explicou.

Para o presidente da Federação das Indústrias de Mato Grosso do sul (FIEMS), Sérgio Longen, a marca histórica em imunização deve ser comemorada. “Podemos de certa forma comemorar a imunidade de rebanho, esses número reais demonstram que só por meio da vacina vamos conseguir controlar a pandemia. O nosso gigante Paulo Corrêa, além de amigo, não nos tem faltado em ações imediatas dentro da Assembleia Legislativa com todos os seus 24 deputados estaduais, em gestos importantes para a retomada da economia. Essa união de esforços para combater a pandemia tem feito a diferença, e hoje Mato Grosso do Sul é destaque nacional”, relatou.

Marcelo Vinhaes, diretor-presidente da Energisa de Mato Grosso do Sul, considera que a conquista no número de imunizados é fruto de um trabalho de equipe. “As empresas puderam ajudar na aquisição de alguns insumos, hoje vemos que aquela velha frase que a união faz a força é verdadeira. Mato Grosso do Sul sempre liderou o ranking nacional de vacinação. A vacinação é a solução, a saída para voltamos ao normal. Parabéns ao Estado e a todos que contribuíram e contribuem para a vacinação aqui”, disse. .

A advogada Marina Mandetta representa o Grupo Mulheres do Brasil, e idealizadora do Projeto Unido pela Vacina, acredita que teremos nossa vida de volta só por meio da vacinação. “No sentido da repescagem, precisamos continuar na busca incessante de conscientização das pessoas acerca da vacina, contem comigo e com o grupo Mulheres do Brasil nesta e outras ocasiões que necessitem da sociedade civil para o Mato Grosso do Sul”, frisou.

Representando a Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul), o prefeito de Amambai, Edinaldo Bandeira (PSDB-MS), falou da responsabilidade dos gestores frente à pandemia. “Temos que prestar contas dos recursos que chegaram do Governo Federal, temos que explicar todos os gastos ao Tribunal de Contas. Vivemos em um embate político muito grande e a presença da FIEMS e do secretário Geraldo Resende nos dando apoio e sustentação, e a atuação da Assembleia Legislativa, é que está possibilitando o retorno a vida normal”, afirmou.

Retomada Segura MS


Balões com sementes de girassóis foram soltos pelas vítimas da doença 

O programa Retomada Segura MS tem o objetivo de fortalecer as medidas de proteção individual e coletiva contra o novo coronavírus, e é composto por seis para que o cidadão sul-mato-grossense possa retomar suas atividades cotidianas com segurança. Biossegurança MS; Teste MS; Conscientiza MS; Passaporte Vacina MS; Imuniza Trabalhadores MS e Vacina MS integram o programa. As vítimas de Covid-19 também foram lembradas ao final do evento. Balões com sementes de girassol foram soltos em homenagem aos que partiram em virtude das complicações da nova doença. 

 

Permitida a reprodução do texto, desde que contenha a assinatura Agência ALEMS.
Crédito obrigatório para as fotografias, no formato Nome do fotógrafo/ALEMS.