Brasão da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul Brasão da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul

Coronel David pede informações e Fapems confirma resultado e imagens do TAF PM/BM dia 12

Imagem:
09/08/2019 - 14:01 Por: Taciane Peres - DRT 512/MS   Foto: PM/MS

Os candidatos aprovados no concurso da Polícia Militar e Bombeiro Militar de Mato Grosso do Sul buscaram o apoio do deputado Coronel David (PSL) sobre um posicionamento da Fapems em relação ao andamento do certame, já que os candidatos cobram a disposição das imagens gravadas na prova do TAF (Teste de Aptidão Física), realizada em maio de 2019. “O deputado Coronel David já é o nosso padrinho, por isso buscamos sempre o apoio dele junto ao poder público e precisamos que a Fapems cumpra o cronograma do concurso, divulgue as imagens aos candidatos que reprovaram no TAF (Teste de Aptidão Física) e entrem com os recursos respectivamente, o que é previsto inclusive por uma lei do Coronel David”, disse Jean Carlos Tavares de Oliveira, presidente da Comissão dos aprovados no concurso.

Comprometido com a segurança pública e com os candidatos aprovados, Coronel David buscou informações junto a Fapems sobre o andamento do certame. “A Fapems informou nesta sexta-feira (9), que o resultado preliminar do TAF, juntamente com a disponibilidade das imagens serão divulgadas nesta segunda-feira (12), por meio do Diário Oficial do MS. A partir desta publicação, os candidatos poderão entrar com os recursos administrativos e os resultados serão publicados até o fim do mês de agosto, dando sequência ao certame. Temos que continuar o diálogo e batalhar para que os futuros policiais e bombeiros militares reforcem o quadro dos servidores da segurança pública, garantindo a segurança da nossa sociedade”, destacou Coronel David.

Lei de Coronel David sobre filmagem em testes físicos

A Lei 4.940 de 21 de novembro de 2016 do deputado estadual Coronel David (PSL), torna obrigatória a filmagem em todos os exercícios físicos realizados durante a etapa de capacitação física do certame. De acordo com a Lei, “os exames de capacidade física serão obrigatória e integralmente filmados pela Comissão Organizadora, sendo identificadas pela numeração do candidato, acrescida da data e do local de realização do exame, tudo constando em ata a ser devidamente publicada. Em caso de recursos administrativos ou de medida judicial “serão fornecidas cópias dos arquivos de filmagens a todo interessado que o solicitar”.

As matérias no espaço destinado à Assessoria dos Parlamentares são de inteira responsabilidade dos gabinetes dos deputados.