Brasão da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul

Os desafios da educação municipal foi tema de evento em Costa Rica

Imagem:
01/08/2018 - 11:02 Por: Assessoria JM   Foto: Assessoria JM

 

 

Durante o 12º Seminário Municipal de Educação que começou na noite da última segunda-feira (30) e vai até amanhã (1), o ex-secretário de Educação do Estado de São Paulo, Gabriel Chalita, destacou os desafios comunicacionais entre professores e alunos nos tempos atuais. O palestrante, que possui livros sobre o tema e acompanha de perto os debates sobre os modelos de ensino nos principais países do mundo, participou do evento a convite do deputado estadual Junior Mochi.

 

Para o parlamentar, a presença de Chalita permitiu um novo olhar sobre o comportamento dos alunos e professores dentro da sala de aula. “Com a vinda do Gabriel, essa troca de experiências, mas acima de tudo, o conhecimento que ele tem e repassa para todos os professores do noroeste do estado que participaram contribui para o aprimoramento e a melhoria da qualidade da educação em Mato Grosso do Sul e, principalmente, dos municípios da região, tanto do MS quanto de Goiás e de Mato Grosso”, disse.

 

De acordo com Chalita, o contato com os professores e o tema da conversa mostra o quanto os professores estão buscando se especializar para melhorar o atendimento infanto-juvenil. “Atualmente os professores estão quebrando a cabeça para entender como se comunicar melhor com os alunos”, ressaltou. Ele lembrou ainda que houve uma mudança de comportamento dentro das salas de aula e isso tem afetado o ensino no mundo todo. “Saímos de uma geração que tinha aprendido a olhar o professor com admiração e hoje o professor tem receio do aluno. Não é somente o conhecimento ou a habilidade cognitiva que vai melhorar a vida de uma pessoa, mas como trabalhar os afetos e a emoção a relação com o outro”, explicou.

 

Mochi lembrou ainda da qualidade do ensino municipal de Costa Rica que, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), vinculado ao Ministério da Educação (MEC), em amostragem do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), aponta um crescimento nos últimos anos, passando de 3,6 pontos em 2005, para 6,3 em 2015, referentes as séries iniciais. A média nacional é de 5,5 pontos. “Costa Rica também é uma referência para nós em termo de gestão pública e, principalmente, de educação, possuindo o melhor Ideb de MS e um dos melhores do país”, destacou.

 

A participação de um palestrante com renome nacional evidencia a necessidade de um amplo debate para construir um sistema de ensino cada vez melhor. Além da busca por pessoas que possam contribuir com essa formação, o deputado estadual também tem atuado para garantir a melhoria da infraestrutura. Desde o início das atividades como deputado estadual, Mochi tem investido na educação de Costa Rica com a aquisição de equipamentos para a banda, de computadores e de transporte para os alunos.

 

 

As matérias no espaço destinado à Assessoria dos Parlamentares são de inteira responsabilidade dos gabinetes dos deputados.